segunda-feira, 20 de setembro de 2010

O amigo

Quando o coração aperta
As lágrimas descem 
E o pranto rompe
Você está lá
Não se faz preciso chamar
Basta uma palavra
E mesmo que esteja derrotado
Sinto sua mão estendida em minha direção
Não te vejo, mas sinto teu abraço
Sinto teu carinho e zelo
Um empenho sem fim em me levantar
Você está caído
Mas me empurra pra cima
Fala-me que ali não posso ficar
Que ali não é meu lugar
Eu acredito em você
Sorvo tuas palavras como um bom vinho
Lentamente reergo-me
Confio em ti... plenamente!
Ah!! O amigo!!
O amigo constante
Um vinho tinto
Brindemos!!
As uvas são seletas
Da melhor safra
Da mais frondosa parreira
Rubro como sangue
Forte e incorpado
Caloroso como só o amigo consegue ser
Brindemos!!
À sua... à minha!!
O vinho autêntico 
Que é a amizade leal


P.S.: obrigada amigo!!

8 comentários:

  1. Às vezes precisamos de um amigo -- assim, como se fosse a maior das necessidades do mundo -- e nos esquecemos de olhar em volta. E nesses momentos, em que amigos de verdade se fazem tão essenciais, acabamos buscando alento em terreno infértil. Mas mesmo após a semeadura errada, a rega imprópria e a colheita dolorosa, mesmo então -- lá está quem nunca saiu dali: Gente preciosa, amigos para o que der e vier. E não te condenam por não tê-los notado antes, ou por tê-los negligenciado por pura falta de atenção... apenas compreendem, te pegam do chão e te levantam. Estas são as verdadeiras preciosidades que a vida nos traz.

    Beijos de coração, amiga.
    Fabio Piva
    http://paciencianegativa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. E viva os amigos! O que seria de nós sem os amigos?

    ResponderExcluir
  3. Sabe, as vezes eu acho que voce Edilene, gosta de fazer gotas esparsas rolar pela face. E é isso que está acontecendo agora. Só mesmo das tuas mãos que poderiam sair tão belas palavras para que, de alguma forma, desenhasse aquilo que teu coração acredita. Não importa o quão distantes estejam as pessoas, porque a distancia pode nos impedir de ver, mas jamais nos impedirá de AMAR um amigo.
    Obrigada por fazer parte da minha vida, aqui ou a mais de 1.000 kms de distância. Belo versejar.
    Beijos da "amiga"

    @rozelimesquit www.sensualle-sensualle.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Amigos...
    Não somos nada sem eles e somos tudo com eles!!
    Necessários até debaixo de água!!

    Curti o texto Edi!!
    Bjos

    Geovanny ArAl
    http://geoaral.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Um dos seus melhores até agora, lindo mesmo.
    Super beijão

    ResponderExcluir
  6. Ótima a comparação do vinho e do amigo... há vinhos envelhecidos que são os melhores, assim como o tempo que consolida as amizades. Mas também há amigos que conhecemos recentemente que vêm de uma boa safra e são ótimos, leais, francos e dedicados.
    Eu vou tomar mais uma taça com você Edi!

    http://vazaante.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. ... Vinho que não embriaga, mas aquece.
    escrevoparaviver.blogspot.com
    De fato, a amizade é muitíssimo importante e, tal qual o vinho, quanto mais envelhece, melhor fica.
    Abraços virtuais,
    Poetisa (Helena)

    ResponderExcluir
  8. Oi minha linda..
    gostei muito! abçs

    ResponderExcluir